Buscar por:  


Investimentos realizados no primeiro bimestre são insuficientes para a reposição do estoque



No mês de fevereiro de 2017, os investimentos em máquinas e equipamentos registraram queda de 11,8%, em relação ao mês de janeiro de 2017. No 1º bimestre, o recuo foi de 22,4%, em relação ao mesmo período de 2016. 

Os altos índices de endividamento das indústrias e a capacidade ociosa elevada, combinados com a instabilidade política e incertezas em relação a uma retomada do consumo, continuam inviabilizando a decisão de investimento.

O pouco investimento em curso, menos da metade do observado no período pré-crise, é insuficiente para a reposição do estoque.

Emprego

A indústria de máquinas e equipamentos encerrou o mês de fevereiro/17 com 292,6 mil pessoas ocupadas, mesmo número observado em janeiro/17, o que poderia sinalizar a estabilidade do nível de emprego no setor.

Na comparação interanual, houve, porém, redução de 18,3 mil postos de trabalho, uma queda de 5,9%.

Desde 2013, quando teve início a queda de faturamento da indústria de máquinas, já foram eliminados mais de 87 mil postos de trabalho no setor. 

Comércio exterior

A apreciação do Real ocorrida em 2016 continua em 2017 e voltou a prejudicar a competitividade da indústria de transformação brasileira.

No último mês, a moeda brasileira voltou para a casa dos R$/US$ 3,10.

O ganho proporcionado pelo efeito Trump foi completamente devolvido pela apreciação do fim do ano passado e início deste. A taxa de câmbio não foi afetada nem pela subida da taxa de juros nos Estados Unidos.

Exportação

O crescimento das exportações no mês de fevereiro de 2017 (36,2%) não compensou a queda observada em janeiro (38,7%). Assim, as exportações acumularam queda de 3,6%, no 1º bimestre, numa tendência já observada ao longo de todo o ano passado.

Verificou-se um aumento das exportações para a América Latina, puxado, principalmente, pelo Mercosul, que aumentou 19,7% suas compras de máquinas no Brasil.

Para a Europa e EUA, houve queda de 16,5% e 9,1%, respectivamente.

Importação

Na importação de máquinas e equipamentos houve queda de 21,1%, no mês de fevereiro, em relação ao mês de janeiro de 2017. Na comparação interanual (fev-17 contra fev-16), as importações recuaram 14,0% e, no 1º bimestre, a queda foi de 14,9%.

A queda do preço dos importados, proporcionada pela valorização de mais de 20% da moeda nacional, não motivou a aquisição de novas máquinas.

Houve ligeiro crescimento nas importações de máquinas dos Estados Unidos (+0,8%), que mantiveram a primeira posição no ranking em valores. A China e a Alemanha, com participação de 19,2% e 15,3% no total de máquinas importadas, respectivamente, reduziram suas vendas para o Brasil.

Utilização da Capacidade Instalada e carteira de pedidos

O NUCI – Nível de Utilização da Capacidade Instalada, em fevereiro/17, foi 0,8% superior ao observado no mês imediatamente anterior e 6,1% maior que o do mesmo mês de 2016.

Assim como pode ser observado na análise de vendas, a utilização da capacidade instalada estabilizou em nível baixo, a partir do 1º sem de 2016.

A carteira de pedidos, medida em meses, apresentou o pior resultado da série histórica iniciada em 1999, 2,4 meses para atendimento, -6,6%, em relação a janeiro, e -7,4%, em relação a fev/16. 

Consumo aparente R$ billhões constantes

O consumo aparente de máquinas e equipamentos, soma da produção direcionada ao mercado interno às importações, recuou, no mês de fevereiro, 11,8%, ao passar de R$ 6,9 bilhões, em janeiro de 2017, para R$ 6,2 bilhões, em fev/17. No ano, os investimentos em máquinas e equipamentos recuaram 22,4%.

Com essa nova queda, os investimentos produtivos passaram ao menor nível da série histórica iniciada em 1999 e chegou a 40% da média mensal de 2013 (R$ 15 bilhões). É um nível bastante baixo para manutenção do parque industrial brasileiro, que não garante sequer a taxa de reposição do estoque de capital fixo.

Na ponta, a queda foi puxada, principalmente, pelo menor nível de importações, que recuaram 21,1%, reduzindo sua participação nos investimentos nacionais de 66,8%, em 2016, para 55,6%, em 2017.

Essa queda mostra que ainda é prematuro anunciar uma retomada dos investimentos.

Receita líquida de vendas 

Curva de comportamento

No mês de janeiro de 2017, houve aumento de 14,5% nas vendas de máquinas e equipamentos, em relação ao mês de janeiro de 2017. No entanto, em relação a 2016, houve queda tanto sobre o mês de fevereiro (-17%) quanto sobre o mesmo bimestre (-10,1%).

Esse crescimento, na comparação com o mês anterior, foi sazonal e apenas reduziu parte da queda observada em janeiro (19,7%). No ano, as vendas acumularam queda de 10%.

Os resultados dos últimos meses refletiram oscilações das vendas em torno de R$ 5 bilhões, que é metade dos valores mensais no período pré-crise (R$ 10 bilhões ao mês).



Índice


Envie para um amigo.
Número: 209
Abril/2017

Outras edições
select



Buscar matérias

Informaq

“Trazemos para o mercado muito mais que uma feira. Nossa proposta é compartilhar com os expositores e visitantes uma nova experiência, apresentando o que há de mais avançado em processos e tecnologias. Leia mais...

Representantes da ABIMAQ levaram propostas relacionadas às reformas tributária e trabalhista, Conteúdo Local, Taxa de Juros de Longo Prazo e Programa de Regularização Tributária (PRT). Leia mais...

Projeto do deputado federal Luiz Carlos Hauly prevê crescimento de 5% a 7% ao ano e desconcentração da renda no Brasil. Leia mais...

Entidade defendeu a necessidade de modernizar a legislação trabalhista para estimular investimentos e gerar novos empregos. Leia mais...

Especialistas destacam força de lei à negociação coletiva para resolver a complexidade da legislação trabalhista. Leia mais...

Entidade solicitou a reedição do Programa Especial de Parcelamento (PEP) e medidas para amenizar o problema dos créditos acumulados do ICMS de fabricantes de máquinas e implementos agrícolas. Leia mais...

O que falta para o país e que traz reflexos para a Petrobras é a ausência de uma política industrial que favoreça a competitividade, segundo a entidade. Leia mais...

“Um novo veículo de comunicação que contemple o setor de máquinas e equipamentos em toda a sua dimensão, abrangendo a área técnica, inovação e gestão era um desejo antigo. Leia mais...

A edição deste ano do ANUÁRIO ABIMAQ já está sendo elaborada, será apresentada oficialmente no dia 08 de dezembro e se constituirá em uma edição histórica e especial. Leia mais...

Diretoria eleita ficará à frente da Câmara Setorial de Máquinas e Equipamentos Gráficos no biênio 2017/2019. Leia mais...

Com o intuito de estreitar relacionamentos e parcerias com entidades afins, a Câmara Setorial de Máquinas e Equipamentos Gráficos (CSMEG) se reuniu. Leia mais...

A vice-presidente da Câmara Setorial de Máquinas e Equipamentos Gráficos (CSMEG), Ana Paula Freitas, foi uma das participantes da cerimônia. Leia mais...

Grupo criado pela ABIMAQ em 2014 reúne os principais fornecedores do Mercado. Leia mais...

Para debaterem oportunidades oferecidas no âmbito do programa Mais Alimentos Internacional, a pedido da Secretaria Especial de Agricultura Familiar. Leia mais...

Com o propósito de explicar sobre a parceria entre a ABIMAQ e Braskem que objetiva contribuir com a melhoria no desempenho e na competitividade das empresas. Leia mais...

Para expor um novo projeto que garante a redução de custos da cabotagem, por meio de contêineres, denominado “Projeto Cabotagem Manaus X Belém X São Sebastião”. Leia mais...

Equipe do Brazil Machinery Solutions reuniu-se com empresários do setor de máquinas e equipamentos para levantamento de contribuições do segmento, que subsidiarão a formatação do projeto em seu novo ciclo 2017-2019. Leia mais...

Programa Partilha do Conhecimento estimulou a troca de experiências entre as empresas do setor. Leia mais...

Em agenda intensa de reuniões com as principais instâncias políticas do país, a ABIMAQ apresentou os pleitos do setor, em Brasília. Leia mais...

Workshop promovido pela GE ajudará a criar possibilidades às empresas do setor que buscam ampliar seus negócios. Leia mais...

Com o intuito de contribuir com informações e, assim, colaborar com o trabalho de todos os envolvidos com a agricultura irrigada no Brasil. Leia mais...

Benefício compreende a elaboração de um Plano de Gestão da Inovação para as indústrias de máquinas e equipamentos, por meio de uma imersão in loco de verificação do atual. Leia mais...

Representantes do BNDES apresentaram as linhas de apoio do banco para bens de capital. Leia mais...

No dia 23 de março, a ABIMAQ, representada pelo seu presidente executivo, José Velloso, e seu diretor de Competitividade, Mario Bernardini. Leia mais...

Principais empresas do setor levam suas mais recentes tecnologias e novidades para atender às demandas dos produtores rurais. Leia mais...

Feira acontece de 9 a 13 de maio, no São Paulo Expo, para apresentar as novidades de grandes fabricantes nacionais e estrangeiros. Leia mais...

Grupo Técnico de Defesa Comercial (GTDC) foi criado pela Câmara de Comércio Exterior (CAMEX) para analisar a aplicação ou não da medida de defesa comercial, antecipadamente à decisão final. Leia mais...

Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras tem o objetivo de devolver parcial ou integralmente o resíduo tributário remanescente na cadeia de produção de bens exportados. Leia mais...

No mês de fevereiro de 2017, os investimentos em máquinas e equipamentos registraram queda de 11,8%, em relação ao mês de janeiro de 2017. Leia mais...

A indústria sempre teve um papel decisivo nos ciclos econômicos mundiais, seja nos movimentos de crescimento ou de recessão. Leia mais...

Apoio institucional