Buscar por:  


Estreitar relacionamento com fornecedores é enfatizado durante webinar com diretor da Petrobras



Para José Velloso, presidente executivo da ABIMAQ, Idarilho Nascimento, presidente do Conselho de Óleo e Gás da ABIMAQ, e Alberto Machado, diretor de Petróleo, Gás, Bionergia e Petroquímica da ABIMAQ, o debate com Roberto Ardenghy mostrou boas perspectivas de aproximação da Petrobras com o seu mercado fornecedor nacional

“Nós temos o compromisso pelo diálogo e a transparência. Nossas decisões são tomadas com base em uma lógica empresarial. A Petrobras se sente muito confortável para poder participar e discutir com vocês qual é hoje a nossa orientação e tendência e como é que podemos trabalhar juntos para o bem do Brasil e para o progresso da indústria nacional”. Assim Roberto Ardenghy, diretor de Relacionamento Institucional da Petrobras, abriu a webinar ‘Covid-19 – A Transformação da Economia’, realizada no dia 9 de junho, que contou com a participação média de 100 pessoas.

Idarilho Nascimento, José Velloso e Alberto Machado ressaltaram  a importância de um trabalho conjunto das empresas associadas ABIMAQ/SINDIMAQ com a Petrobras para desenvolver a indústria nacional de  bens e serviços para o setor de óleo e gás e, ao mesmo tempo, aumentar os clientes da estatal, pois o parque industrial é um importante consumidor de derivados do petróleo e do gás natural. “É muito importante que consigamos montar um plano que permita que os fabricantes de máquinas e equipamentos aqui instalados tenham um relacionamento direto com o demandante para entender quais são os avanços tecnológicos e as suas necessidades de demanda no sentido de o Brasil possa sair na frente pós- retomada e atender os anseios da sociedade”, defendeu Alberto Machado.

“Nós estamos num momento de mudança de mercado com a entrada de players importantes e a Petrobras vê a parceria com bons olhos. Cada vez mais participando de projetos de óleo e gás com parceiros nacionais ou internacionais e isso é muito bom para nós, pois aprendemos muito. Estamos à disposição para qualquer diálogo”, afirmou Ardenghy sobre aproximação com ABIMAQ/SINDIMAQ. 

INVESTIMENTOS

Quando perguntado sobre a previsibilidade para a indústria nacional de óleo e gás, Ardenghy disse que a Petrobras está trabalhando de duas maneiras. “Nós estamos fazendo uma mudança muito importante no canal fornecedor no sentido de antecipar, na medida do possível, especificações de projetos a serem lançados. Outra área que estamos focando é a de pesquisa e desenvolvimento, mais especificamente o CENPES, Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello, que vai passar por uma reformulação a fim de avançar nos projetos de tecnologia ligados diretamente ao negócio, ou seja, dar ao Cenpes uma visão mais objetiva e clara de gestão do negócio e quais inovações a estatal precisa para seu progresso”. 

O diretor da Petrobras propôs um trabalho conjunto entre a ABIMAQ e o Cenpes, pois acredita que “a capacidade de transformar tecnologia em inovação se faz por meio do estimulo econômico e trazendo o empresariado para dentro da nossa área de pesquisa”. 

Com relação ao incremento do número de refinarias e novas plantas na região Sudeste, Ardenghy disse que hoje o objetivo estratégico da Petrobras é manter o parque de refino perto da estrutura produtiva a fim de juntar sinergias e desenvolvê-lo. 

Outro questionamento feito para Ardenghy foi como está o projeto do complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). “Aquele projeto gigantesco de polo petroquímico não rola na situação atual do preço de petróleo e das condições de mercado. Hoje estamos trabalhando para o Comperj ser uma grande unidade de processamento de gás natural com a implantação do Projeto Integrado Rota 3, que abrange o gasoduto Rota 3, a unidade de processamento de gás natural (UPGN) e o conjunto de utilidades necessárias para sua operação com a pretensão de escoamento de 21 milhões de metros cúbicos por dia de gás do pré-sal”. 

Sobre o projeto Sergipe Águas Profundas – Módulo 1 (SEAP 1), ele disse que já foi feito um Teste de Longa Duração (TLD) de Farfan, que tem por finalidade avaliar o comportamento do reservatório em produção e as características do seu petróleo. “Se a avaliação for positiva vai ser um reservatório com a perspectiva muito boa de desenvolvimento de uma terceira bacia, além das de Campos e Santos”. 

Outro assunto levantado foi sobre a exploração e produção do volume excedente ao Contrato de Cessão Onerosa dos campos de Búzios e de Itapu. “Depois de ninguém oferecer propostas para os campos, o governo e o Ministério da Justiça junto com a ANP estão avaliando de que maneira poderá voltar ao mercado com esse projeto. Se tudo der certo o leilão deve acontecer em meados do ano que vem”.  

PLANO ESTRATÉGICO PETROBRAS

Ardenghy expôs ainda que o foco da nova Petrobras será na maior geração de valor para os acionistas, incluindo: segurança como prioridade; redução da dívida e disciplina de capital; gestão ativa de portfólio; transformação digital; transição para uma economia de baixo carbono; e resiliência a baixos preços do petróleo com cinco pilares estratégicos, que estão listado a seguir: 

1. Maximização do retorno sobre capital empregado;

2. Redução do custo de capital;

3. Busca incessante por custos baixos e eficiência;

4. Meritocracia; 

5. Segurança, respeito às pessoas e ao meio ambiente.  

Com relação ao cronograma das novas plataformas, o diretor da Petrobras disse que os projetos em estágio mais avançado e com geração de valor no curto prazo não tem grandes mudanças. Já os projetos de médio e longo prazo estão em revisão. Confira a seguir a previsão do ano de entrada em operação.



Índice


Envie para um amigo.
Número: 245
Julho/2020

Outras edições
select



Buscar matérias

Informaq

Visando mitigar os efeitos da pandemia, empresas ligadas à ABIMAQ continuam com ações voltadas ao combate da propagação do vírus. Leia mais...

A live com vice-presidente da República contou com a participação média de 420 pessoas. O futuro da indústria, do emprego e a transformação digital da economia devido à Covid-19 foram alguns dos assuntos abordados. Leia mais...

Reunião teve como objetivo externar a preocupação dos setores envolvidos na Coalizão com a retomada da economia. Leia mais...

Para José Velloso, presidente executivo da ABIMAQ, Idarilho Nascimento, presidente do Conselho de Óleo e Gás da ABIMAQ, e Alberto Machado. Leia mais...

Com a participação de João Marchesan, presidente do Conselho de Administração da ABIMAQ, José Velloso, presidente executivo e Cristina Zanella. Leia mais...

Wilson Vaz de Araújo expôs as principais mudanças do Plano Safra 2020/21 e seu impacto nas políticas de investimento e desenvolvimento dos segmentos industriais ligados ao setor agrícola. Leia mais...

Reformas tributária, administrativa, previdenciária, a importância da indústria de máquinas e equipamentos para a retomada da economia, o papel do legislativo para superação da crise gerada pela Covid-19. Leia mais...

Com o principal objetivo da solicitação do não veto ao artigo 33 do Projeto de Lei de Conversão 15/2020, a ABIMAQ enviou correspondência à Presidência da República. Leia mais...

Com essas palavras, o professor Delfim Netto, ex-ministro da Agricultura, Fazenda e Planejamento, respondeu as primeiras questões e deu início ao webinar. Leia mais...

“Essa é a terceira edição da sondagem ‘Impacto da pandemia da Covid-19’, realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ) na semana do dia 19 de junho a 30 de junho. Leia mais...

A ABIMAQ, em parceria com a empresa mhconsult, empresa especializada em desenvolvimento organizacional e treinamentos corporativos, realizou, no dia 09 de junho, uma webinar. Leia mais...

Encontro contou com participação de representantes de empresa especializada em consultoria de gestão. Leia mais...

Cenário e perspectivas do aço e metalurgia, fundo de capital para apoio a projetos de mineração no Brasil e agregação de valor nos produtos do segmento de mineração foram alguns dos assuntos debatidos. Leia mais...

Novidade foi apresentada durante reunião online promovida por diretores da associação. Leia mais...

Sistema visa facilitar e acelerar os pleitos de alteração tarifária. Leia mais...

Governo brasileiro dá novas sinalizações. Leia mais...

O Projeto Plástico Brasil No Ar é uma iniciativa da feira Plástico Brasil e visa reforçar o propósito da feira de contribuir com o fomento do mercado do plástico e aproximar os grandes nomes do segmento. Leia mais...

O departamento de Financiamentos da ABIMAQ realizou, no dia 19 de junho, um evento online juntamente com a ABIMAQ Norte Nordeste para oferecer aos associados oportunidades de financiamentos nas regiões Norte e Nordeste. Leia mais...

Quatro instituições se uniram à ABIMAQ PR para apresentarem soluções de financiamentos aos associados da entidade. Leia mais...

Neste árduo momento do cenário atual com a chegada do novo coronavírus (Covid-19) no país, foram diversos os impactos causados que vão além da saúde pública, mas que afetam também o desenvolvimento socioeconômico. Leia mais...

Entidade considera custos e juros do programa elevados, mas continua trabalhando em melhorias. Leia mais...

A ABIMAQ em parceria com Juliano Kimura, que é palestrante, Creative Thinker, Transformador Digital e consultor de inovação digital e redes sociais, realizou, no dia 24 de junho, o segundo webinar de marketing digital. Leia mais...

No dia 17 de junho foi publicada no Diário Oficial da União a Portaria nº 245, que prorroga o prazo para o recolhimento de tributos federais, na situação que especifica em decorrência da pandemia relacionada ao coronavírus. Leia mais...

O recuo menos agressivo das receitas domésticas e externas, permitiram uma queda mais amena da receita do mês de maio. Leia mais...

Nos anos 20 e 30 do século passado importamos conhecimentos pseudo “científicos” a respeito dos fatores que condicionariam o nosso desenvolvimento econômico. Leia mais...

Apoio institucional