quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Imprimir

Informaq
BNDES apresenta novos critérios de credenciamento e enquadramento de instalações frigoríficas e painéis elétricos

A mudança visa agilizar o processo de análise e aprovação de crédito

Em reunião realizada na ABIMAQ, no dia 13 de dezembro, com a participação de Lucas Moura de Lucena, Renata Pereira Braga e Ricardo Augusto Garcia Marques do departamento de Credenciamento e Conteúdo Local do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), os quais apresentaram novos critérios de credenciamento e enquadramento de instalações frigoríficas e painéis elétricos, que se enquadram na categoria FCC (Financiáveis caso a caso).

Os FCC’s são produtos cujo a comprovação de Conteúdo Local precisa ser realizada a cada operação de financiamento e sua classificação usualmente é destinada a sistemas, produtos customizáveis e produtos sem comprovação de origem dos componentes.

De acordo com Lucas Moura de Lucena, há muito tempo a equipe do banco de fomento vem recebendo demandas que solicitam a revisão dos FCC’s. 

Relacionamos abaixo os novos critérios:

- Painéis elétricos e instalações frigoríficas passarão para ‘F – Financiável’ automaticamente (com exceção dos produtos sem comprovação de origem dos componentes no momento do credenciamento). O início da aplicação dos novos critérios será divulgado em breve pelo BNDES.

- Nestes casos, o prazo de credenciamento altera de 4 para 2 anos;

- A comprovação de origem dos componentes deverá ser feita com documentos emitidos há, no máximo, 24 meses;

- Será admitido o credenciamento isolado de câmaras frigoríficas;

- Integrador poderá ser habilitado como distribuidor autorizado dos fabricantes de câmaras frigoríficas.

- Produtos sem comprovação de origem dos componentes no momento do credenciamento continuarão sendo classificados como FCC;

- Serão realizadas visitas a algumas empresas financiadas (amostra aleatória) para verificação de atendimento ao critério de credenciamento. Caso muitas irregularidades sejam detectadas, o enquadramento FCC será retomado;

- Apenas os fabricantes de isopainéis poderão credenciar as câmaras frigoríficas.

 “Nossa intenção é que a partir de 2019, com esse entendimento já colocado para os fornecedores e fabricantes, façamos a alteração da nossa base cadastral a fim de começarmos  com a nova formatação e esperamos que acelere o processo de crédito, aprovação e assim permita o acesso a alguns sistemas que têm uma limitação de operar com produtos FCC”, alertou Lucena.

A apresentação relacionada ao referido tema está disponível no site da ABIMAQ, na página de financiamentos.

Fonte:
© Copyright 2020 Abimaq. Todos os direitos reservados.